Armazenagem, Dicas, Logística Interna, Projeto Logístico,

7 formas de aumentar a velocidade de picking no seu armazém

O picking significa a seleção de pedidos de um armazém. É ele quem determina a velocidade final de entrega de um produto, e é por isso que essa atividade é tão importante. Essa é a parte do processo que demanda maior utilização de recursos humanos, equipamentos e tecnologia, compondo entre 50% e 60% do custo operacional. Perdas de produtividade nessa etapa podem acarretar aumento de custos que se transferem para o custo final da empresa.

Mas para melhorar a eficácia do picking, algumas técnicas podem ser adotadas. Veja quais são elas:

1 – Acompanhe

É essencial que você conheça o processo de picking e o acompanhe. Dessa forma, é possível perceber momentos de improdutividade ou lentidão e pensar em maneiras de melhorar os processos. Converse com os operadores do armazém e entenda que tipo de problemas eles enfrentam no dia a dia, como, por exemplo, quantas vezes o trabalho tem que ser parado para esperar que outro separador realize sua tarefa. Ou quantas vezes um item não está em um local apropriado, fazendo com que os separadores percam tempo. Com essas informações, é possível demarcar os pontos de improdutividade.

2 – Reduza os espaços

Quanto menores os deslocamentos, maior é a produtividade, pois os operadores levam menos tempo indo de um local para outro dentro do armazém. Por isso, é importante deixar próximas as peças ou equipamentos que são relacionados e normalmente vendidos em conjunto.

3 – Posicione os materiais corretamente

No posicionamento respeitando a curva ABC, os materiais são colocados de acordo com sua rotatividade. Materiais com alta rotatividade (A) ficam localizados próximo ao local de entrega da coleta. Produtos com giro médio (B) ficam a uma distância intermediária e produtos com baixo giro (C) ficam mais longe. Dessa forma, a maioria dos produtos pode ser entregue rapidamente, enquanto aqueles com pouca saída demoram um pouco mais de tempo para serem coletados. Nesse caso, é muito mais importante analisar a frequência do que a quantidade. Além disso, procure não posicionar dois itens na mesma localização, caso contrário, os separadores terão que abrir as caixas e perder tempo para verificar o lugar de cada item.

4 – Analise o posicionamento com frequência

Depois de ter optado por um posicionamento dos produtos, é importante avaliar a eficácia dessa distribuição. Sempre que for necessário, pode-se fazer adaptações e mudar o posicionamento de alguns itens. Para alguns itens, a frequência de coleta varia conforme a estação e, por isso, seu posicionamento também pode variar.

5 – Mantenha níveis de estoque adequados

Mantenha um rígido controle sobre os níveis de estoque de seus produtos. É adequado manter em seu armazém, pelo menos o equivalente ao prazo mínimo que o seu fornecedor tem para atender  a sua reposição de estoque. Para isto é importante conhecer como funciona o giro de estoque de seus produtos  no armazém. Com ele você terá vantagens como: evitar o envelhecimento de um produto na prateleira, não precisar de grande espaço para fazer o armazenamento.

6 – Reestruture os estoques

A maneira como o estoque foi organizado na sua fundação pode não ser a maneira mais estratégica para o negócio atualmente. Por isso, é importante considerar a verticalização e a utilização de empilhadeiras como forma de agilizar o processo de picking.

7 – Invista em velocidade

Treine seus funcionários, invista em sistemas que auxiliem na velocidade e qualidade da separação como coletores de dados, sistema de rádio frequência, etc. Melhore a produtividade de seus funcionários utilizando o processo de melhoria contínua Kaizen. Este modelo tem como objetivo utilizar a mão de obra de forma mais inteligente, visando transformar os operadores logísticos em membros das células produtivas para torná-los cada vez mais produtivos.

Com essas estratégias, você pode conseguir mais agilidade no seu picking e melhorar sua produtividade.

Voce quer saber como a APOIO LOGÍSTICA (GRUPO ENAR) faz tudo isto na prática, com depoimento dos próprios clientes? Entre em contato, trabalhamos com indicadores pré-definidos,  você pode acompanhar as informações pelo portal e exportar todos os nossos relatórios para planilha eletrônica, pois os nossos sistemas são todos integrados.

Gostou dessas dicas? Quer uma avaliação de sua logísticarb? Entre em contato conosco! Entre em contato comigo agora 11 95475-6564 ou osmar.vinci@grupoenar.com.br

 

8

1 Comentário

Tudo o que você precisa saber sobre armazenagem blocada | Portal Painel Logístico

novembro 30, 2017

[…] principais preocupações reside no desafio de conciliar uma superfície utilizada menor com uma velocidade de expedição, o que nem sempre é […]

Responder

Deixe uma resposta