Armazenagem, Dicas, Logística Interna, Projeto Logístico, Transportes,

Você está preparado para gerenciar um projeto logístico?

Em um mercado altamente competitivo, em que novas empresas surgem a cada momento, a busca por vantagens estratégicas é fundamental. Isto também vale para as companhias do ramo da logística, que precisam reduzir custos, otimizar operações e maximizar as oportunidades em cada empreitada. E uma das melhores maneiras dos gestores atingirem esses objetivos é gerenciando seus projetos logísticos.

Muitos líderes consideram a tarefa de gerenciar projetos relativamente fácil, mas eles estão muito enganados quanto a isso. O controle inadequado de projetos, além de comprometer os esforços investidos, ainda impacta de forma negativa nos seus resultados. Neste post, mostraremos os passos que os gestores devem dar para gerenciarem corretamente seu projeto logístico e obterem o retorno esperado. Confira:

Defina os objetivos do projeto

Minimizar os custos operacionais, aumentar a produtividade das operações ou prestar um serviço melhor aos clientes são apenas alguns dos objetivos que você pode dar ao seu projeto. O propósito dele dependerá da situação atual da sua empresa e da posição que ela pretende alcançar no setor logístico. Mas vale lembrar que estes objetivos não podem ser inalcançáveis, pois isto acabará desmotivando o time.

Eles devem ser claros e tangíveis, de modo a permitir que a equipe mantenha o foco e trabalhe de maneira adequada para alcança-los. Muitos gestores consideram a tarefa de definição dos objetivos desnecessária. Mas é importante ressaltar que o fracasso de um projeto logístico está relacionado, na maioria das vezes, à má definição de metas. Por isso, essa é a fase inicial e a principal de toda a empreitada.

Estabeleça métricas

Tão importante quanto definir os objetivos do projeto é estabelecer métricas para acompanhar os seus resultados. Muitos gestores não conseguem ter uma visão clara do andamento ou do sucesso de seus projetos simplesmente por não terem definido métricas logo no início da empreitada. Somente com elas é possível fazer verificações periódicas e acompanhar os resultados bem de perto.

Métricas assertivas também possibilitam a cobrança de uma maior dedicação por parte dos envolvidos no projeto. Se ele não tiver apresentando os resultados esperados em um determinado período de tempo, então os gestores podem intervir e identificar oportunidades de melhorias nas áreas em que ele estiver sendo implantado.

Colete dados e informações

A coleta de dados e informações precisas, que permitam aos responsáveis gerenciar melhor as ações e contribuir para sua melhoria, também é fundamental para o sucesso do projeto logístico. Se detalhadas e dispostas adequadamente, as informações darão um panorama geral de toda a execução do projeto e permitirão um maior aprofundamento para que os gestores possam compreender todo o contexto.

Se o projeto for, por exemplo, a instalação de estruturas metálicas para um armazém, então os dados devem ser relacionados às medidas do local, a localização de colunas, o tamanho de portas, restrições de altura do teto, etc. Mas se for a minimização de custos operacionais, então as informações devem estar ligadas aos processos que podem ser otimizados e aos setores que precisam ter seus gastos reduzidos, entre outras.

Faça uma análise detalhada

Após os dados e informações serem coletados, os gestores deverão fazer uma análise cuidadosa e detalhada para determinar se os objetivos definidos lá no primeiro passo poderão ser realmente alcançados. Se sim, então o projeto poderá ser elaborado. Mas se não puderem, então os responsáveis terão que recorrer ao plano alternativo: alterar alguma meta ou mudar radicalmente o objetivo do projeto logístico.

Elabore o plano do projeto

O último passo é a elaboração do plano do projeto, que deve conter todas as etapas que deverão ser seguidas tanto pela equipe quanto pelos responsáveis para que os objetivos traçados sejam alcançados. Além dos dados e informações coletados, o plano do projeto deve conter as tarefas a serem executadas e os recursos necessários para a realização de cada uma delas, tanto de tempo quanto de dinheiro.

No escopo de cada tarefa, também deverão estar incluídas as suas datas de início e conclusão. Após o plano ser concluído, os gestores deverão implementá-lo na empresa e colocar em prática tudo o que foi planejado. E mesmo depois do projeto já ter sido concluído, é importante que os responsáveis o revisem para garantir que os objetivos e expectativas serão alcançadas conforme o esperado.

Como um operador logístico pode ajudá-lo no projeto logístico

Cada uma dessas etapas é fundamental para o sucesso de um projeto logístico. Caso alguma delas não seja seguida ou realizada de maneira incorreta, as chances do projeto fracassar aumentam drasticamente. Daí a importância dos gestores da empresa contarem com a ajuda de um operador logístico experiente, que possa ajudá-los a evitar possíveis erros que possam comprometer o sucesso da empreitada.

Lembre-se de que, no decorrer do projeto, você também precisará gerenciar tempo, recursos financeiros, colaboradores, qualidade, comunicação e até mesmo riscos. Como o operador logístico utiliza os melhores modelos de gerenciamento de projetos, ele possibilita que os responsáveis não se preocupem tanto com estas questões e os indica os melhores caminhos a serem seguidos, sempre visando garantir os melhores resultados possíveis.

E então, está preparado para começar a gerenciar um projeto logístico? Caso esteja incerto disso, entre e conheça o GRUPO ENAR  Juntos, poderemos achar uma solução para o seu caso.

Voce tem dificuldades em sua empresa? Precisa de uma opinião? Entre em contato comigo agora 11 95475-6564 ou osmar.vinci@grupoenar.com.br

 

0

1 Comentário

Como mapear e analisar o seu fluxo logístico? | Portal Painel Logístico

outubro 31, 2017

[…] envolvidos em cada etapa da operação, o tempo que se leva para o cumprimento de cada tarefa, os custos envolvidos com cada etapa e a foma como se estabelece o fluxo, a qualidade e a disponibilidade da […]

Responder

Deixe uma resposta